Campanha EPIs: adesão expressiva da categoria marca mês de lançamento

O Conselho Federal de Odontologia (CFO) registrou a adesão de milhares de inscritos à “Campanha EPIs – Juntos Nessa Luta”, neste mês de lançamento, com acesso em todas as regiões do país. Na prática, a iniciativa disponibiliza descontos à categoria na aquisição de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) – luvas, máscaras, aventais, touca e prope.

Como a Campanha EPIs é exclusiva aos inscritos em situação ativa no Sistema CFO/CROs, é necessário que todos os dados estejam atualizados no Conselho Regional de Odontologia de origem do inscrito. O acesso deve ser realizado sempre através do site do CFO (www.cfo.org.br). Além disso, o preenchimento correto das informações – estado, categoria, número de inscrição, CPF ou CNPJ – é fundamental para que o acesso seja realizado com sucesso, conforme exemplo abaixo:

É importante ressaltar que o desconto nos itens de EPIs será validado exclusivamente através do acesso pelo site do CFO, aplicado na finalização da compra. A taxa de entrega dos EPIs também é benefício aos inscritos, a depender do valor da compra, o frete é gratuito na opção convencional, válido para todo o Brasil.

Para o Secretário-Geral do CFO, Claudio Miyake , que coordena a Campanha EPIs, a expressiva adesão à Campanha EPIs, no mês de lançamento, representa um indicativo positivo do benefício disponível: “A partir da participação dos inscritos nos canais de comunicação da Autarquia, como neste caso de opções para compra de EPIs, que são itens fundamentais para a segurança dos profissionais e pacientes, vamos aperfeiçoando o sistema e o fluxo de acesso do CFO para que todos possam utilizar, e com isso cada vez mais iremos oferecer novas oportunidades a nossa classe.”

CLIQUE AQUI e acesse a “Campanha EPIs – Juntos Nessa Luta”.

CLIQUE AQUI e confira o Guia de Esclarecimento sobre a Campanha EPIs.

ACESSE A CAMPANHA E RECEBA OS BENEFÍCOS EXCLUSIVOS!!!

O post Campanha EPIs: adesão expressiva da categoria marca mês de lançamento apareceu primeiro em CFO.

Fonte: Notícias

Faça um comentário

*